Tagged dc

Sugestões #57

The Heroic Legend of Arslan

Mais sugestões para expandir o mundo dos apreciadores de bons comics. A destacar Secret Wars #1 por Jonathan Hickman e Esad Ribic na Marvel, Hero Vol. 01 HC por David Rubin na Dark Horse, Vertigo Quarterly: SFX #1 por Peter Milligan e companhia na DC, Jupiter’s Circle #1 por Mark Millar e Wilfredo Torres na Image e Trash Market por Tadao Tsuge na Drawn and Quarterly. E aproveitem para visitar a livraria que está sempre cheia de novidades.

Marvel

Thanos: Infinity Relativity HC

Por Jim Starlin. Annihilus, o senhor da Zona Negativa, faz um novo ataque ao universo positivo, em busca de uma fonte de poder infinito. Para o deter, é formada uma frágil aliança de protectores cósmicos. Os Guardians of the Galaxy, Gladiator, Majestor de Shi’ar e Adam Warlock, cujo complexo ciclo de morte e renascimento, o deixou mais confuso sobre a sua verdadeira natureza. Com Adam reunido com os seu antigos camaradas da Infinity Watch, Gamora, Drax e Pip o Troll e com os novos aliados, Star-Lord, Rocket Raccoon e Groot, eles detêm o potencial para acabar com a ameaça de Annihilus de uma vez por todas, se eles souberem como! Mas a resposta pode estar na mente negra de outro. Um Titan, que alguns consideram louco. Pode o destino do universo estar nas mãos de Thanos?

Marvel para assinatura

Secret Wars #1 (de 8)

Por Jonathan Hickman e Esad Ribic. Eis o fim de tudo o que conhecemos no universo Marvel. Múltiplas dimensões coladas num só planeta. Múltiplas versões dos mesmos personagens numa batalha pela sobrevivência.
No final nada será o mesmo!

DC

Girl Who Kicked the Hornet’s Nest HC

Por Denise Mina, Andrea Mutti e Antonio Fuso. Na adaptação final da obra de Stieg Larsson, Lisbeth Salander encontra-se em estado crítico, com uma ferida de bala na cabeça, numa unidade de cuidados intensivos dum hospital sueco.
Ela luta pela vida de várias maneiras. Se e quando ela recuperar, irá ser levada de volta para Estocolmo, para ser julgada por três assassínios. Com a ajuda do jornalista Mikael Blomkvist ela não só terá de provar a sua inocência, como identificar e denunciar os que estão no poder, que permitiram que alguém como ela sofresse abusos e violência.
E sozinha vai planear a vingança contra o homem que a tentou matar e as instituições governamentais corruptas que quase destruíram a sua vida.

DC para assinatura

Vertigo Quarterly: SFX #1 (de 4)

Por Peter Milligan, Hope Larson e companhia. Uma nova mini-série antológica que desta vez pega em 4 diferentes efeitos sonoros como base para contos que levarão a inovações surpreendentes na escrita e na arte.

Dark Horse

Hero Vol. 01 HC

Por David Rubin. Na Grécia antiga o primeiro super-herói nasceu. Heracles, filho de Zeus, chegou ao mundo com força, charme e um espírito guerreiro. Esta é uma nova visão da saga épica de Heracles e dos Doze Trabalhos!

Dark Horse para assinatura

Witcher: Fox Children #1 (de 5)

Por Paul Tobin e Joe Querio. As viagens de Geralt levam-no a bordo de um navio de loucos, renegados e criminosos. Mas alguns dos passageiros são mais perigosos que outros, e um esconde um segredo horrendo!

Image para assinatura

Jupiter’s Circle #11

Por Mark Millar e Wilfredo Torres. Os mais celebrados super-heróis da América, parecem ter tudo: fama, riquezas e adoração. Mas tensões espreitam a superfície, ameaçando revelar os seus segredos ao público e os seus podres! Antes da dinastia familiar de Jupiter’s Legacy, existiu Jupiter’s Circle, a história sobre uma equipa cujos dramas pessoais colidem com o espectáculo dos super-poderes!

Savior #1

Por Brian Holguin, Todd McFarlane e Clayton Crain. E se o homem mais perigoso na Terra, era aquele que tenta fazer o melhor por todos. O mundo é real, as pessoais normais e ele aparece!
Um homem sem passado, sem memória e nenhum lugar que possa chamar de casa. Mas ele tem poderes, que lembram aqueles que se fala na catequese. Será possível? Será que este homem é muito mais do que isso? Será que ele é aquele que nos vai salvar? E se é, como é que ele não sabe quem é, ou como ganhou os seus poderes? E como é que o mundo vai reagir à sua presença?

Legacy of Luther Strode #1

Por Justin Jordan, Tradd Moore e Felipe Sobreiro. O regresso de Luther Strode. Durante cinco anos, Luther Strode e Petra andaram em fuga. Agora é altura de parar de fugir e destruir o Murder Cult.
O caminho para Cain começa aqui!

Drawn & Quarterly

Trash Market

Por Tadao Tsuge. Tadao Tsuge foi um dos mais inovadores autores japoneses nos finais da década de 60 e inícios de 70, reconhecido pelo seu estilo claro e jornalístico de contar histórias e arte eloquente. Esta obra retrata a vida dos miseráveis encantadores dos bairros pobres de Tóquio e dos veteranos de II Guerra Mundial, que se encontram incapazes de esquecer a guerra.

Sugestões #56

Groot

De volta em 2015 com mais boas sugestões para entrarmos bem o ano! A destacar All New Hawkeye por Jeff Lemire e Ramon Perez na Marvel, Pastaways por Matt Kindt e Scott Kolins na Dark Horse, Descender por Jeff Lemire e Dustin Nguyen e Manhattan Projects: The Sun Beyond the Stars por Jonathan Hickman e Nick Pitarra na Image, 12 Beasts Vol. 01 por Okayado na Seven Seas Entertainment e Nemo: River of Ghosts HC por Alan Moore e Kevin O’Neil na Top Shelf. E aproveitem para visitar a livraria carregada de novidades e novas experiências no mundo da BD. Boas Leituras!

Marvel para assinatura

Star Wars: Princess Leia #1 (de 5)

Por Mark Waid e Terry Dodson. Quando a Princesa Leia Organa foi capturada pelo Império como espiã rebelde, ela nunca traiu os seus ideais, mesmo deparada com a destruição do seu planeta natal, Alderaan. Quando o seu resgate aconteceu, ela pegou num blaster e juntou-se à luta, escapando para a Aliança Rebelde e ajudar na destruição da Death Star, a maior derrota que o Império já sofreu. Mas depois da vitória, a pergunta mantém-se, o que é uma princesa sem mundo?

All New Hawkeye #1

Por Jeff Lemire e Ramon Perez. Com a Kate Bishop, a sua aprendiz ao seu lado, Clint Barton está de volta. Agora a equipa Hawkeye é atirada numa nova aventura em que o passado e presente vão colidir. E Clint e Kate vão enfrentar uma ameaça que vai desafiar tudo o que eles sabem sobre o que significa ser Hawkeye. Que a chuva de flechas comece!

DC

Batman: Earth One Vol. 02 HC

Por Geoff Johns, Gary Frank e Jonathan Sibal. Enquanto a cidade de Gotham é lançada no terror pelo enigmático anarquista e assassino que se intitula de Riddler! Batman tem de reconciliar as crescentes ideologias conflituosas do detective Jim Gordon e o chefe de segurança de Bruce Wayne, Alfred Pennyworth. Mas muitos mistérios espreitam em Gotham, incluindo a agenda secreta de Harvey Dent e estranha criatura que habita os esgotos, Killer Croc!

DC para assinatura

Convergence #0

Por Dan Jurgens, Jeff King e Ethan Van Sciver. Para onde vão os mundos quando morrem? Os abalos sentidos em todo o Multiverse, os dias perdidos do Superman depois de “Doomed”, World’s End, todos estes eventos vão convergir, à medida que a história da DC é vista numa nova perspectiva. A perspectiva dum deus louco e da sua criança arrogante. Esta é a maior saga da DC, que liga todas as histórias alguma vez contadas. E começa aqui!
Kingdom Come. Red Son, Wild West Justice League, Captain Carrot e a Zoo Crew e todos os mundos conhecidos podem ser encontrados em Telos. Tudo conta e todas as histórias contam!

Dark Horse para assinatura

Frankenstein: Underground #1 (de 5)

Por Mike Mignola e Ben Stenbeck. A criatura Frankenstein está sozinha, abandonada e a vaguear o submundo, onde ele irá descobrir outras criaturas estranhas e os terríveis segredos do universo.

Pastaways #1

Por Matt Kindt e Scott Kolins. 2015 é o passado distante. Um acidente deixa encalhados cinco exploradores temporais, num mundo primitivo de motores de combustão interna e a Internet 1.0 e cria uma brecha no espaço-tempo que lança dinossauros, robots gigantes e outros fenómenos estranhos! Os encalhados “PastAways” podem defender o século XXI, a não ser que as tensões da sua inesperada missão acabe com eles!

Image para assinatura

Chrononauts #1

Por Mark Millar e Sean Murphy. Corbin Quinn e Danny Reilly são dois amigos que adoram se divertir. Eles são também dois génios científicos. Quando a sua investigação os leva para uma aventura de viagem no tempo, eles vão usar o seu conhecimento para o benefício da humanidade? Ou vão usar o espaço-tempo para os seus fins? Esta é a história da primeira viagem do homem pelo tempo completamente televisionada e tudo que corre de mal no processo.

Descender #1

Por Jeff Lemire e Dustin Nguyen. A luta dum jovem robot para se manter vivo num universo onde todos os andróides foram tornados ilegais e caçadores de prémios os perseguem em todos os planetas. Uma emotiva odisseia cósmica, que coloca a humanidade contra a máquina e mundo contra mundo nesta space opera inesquecível.

Invisible Republic #1

Por Gabriel Hardman e Corinna Bechko. O regime planetário de Arthur McBride caiu. A sua história chegou ao fim. Isto é até o reporter Croger Babb descobre o diário de Maia, a prima de Arthur. Que contém a história secreta, violenta e audaz do lendário lutador da liberdade. Apagada dos registos oficiais, apenas Maia sabe o quão perigoso o seu primo realmente é.

Big Man Plans #1 (de 4)

Por Eric Powell e Tim Weisch. Esta é um drama brutal de crime com um mistério chocante pelo meio. Até os mais marginalizados da sociedade podem vingar-se e não se importam como o fazem.

Manhattan Projects: The Sun Beyond the Stars #1

Por Jonathan Hickman e Nick Pitarra. Apenas quando ele se encontra perdido no espaço, é que o grande cosmonauta espacial Yuri Gagarin descobre a sua vocação. Estas são as novas histórias de Manhattan Projects, onde a ciência e a realidade não são o que nos ensinaram.

Boom! Studios

Mouse Guard: Legends of the Guard (Vol. 3) #1 (de 4)

Por Davide Petersen e companhia. Novamente ratos de todos os pêlos e oficios reúnem-se na estalagem June Alley para trocar contos de coragem, aventura e habilidade. Os contadores de histórias não conseguem evitar tentar superar-se uns aos outros, pois o rato que contar o melhor conto, tem a sua conta do bar paga.

Seven Seas Entertainment

12 Beasts Vol. 01

Por Okayado. Esta é uma hilariante história de fantasia sobre um aluno de secundário que é transportado para um outro mundo. Eita Touga, aparentemente um estudante de secundário normal, é na verdade herdeiro duma linhagem de ninjas famosos. Infelizmente para o clã Touga, Eita não tem interesse no negócio de família, apenas na realidade virtual dos jogos de vídeo, onde se sente em casa! Até ao dia em que uma harpia arrebenta com a porta do dojo da sua família e rapta Eita para um mundo onde monstros e criaturas mitológicas abundam. Pode um baldas de um ninja como Eita ajudar os habitantes de outro mundo deterem uma invasão dum império tecnologicamente superior?

Top Shelf

Nemo: River of Ghosts HC

Por Alan Moore e Kevin O’Neill. Estamos em 1975, Janni Dakkar, a pirata rainha da ilha de Lincoln e líder da famosa família Nemo, tem oitenta anos de idade e começa a demonstrar problemas em distinguir a realidade.
Perseguindo sombras do seu passado, ou da sua imaginação, ela embarca naquela que pode ser a sua última viagem ao longo do rio Amazonas, numa última tentativa para colocar em descanso os espectros sanguinários de antigamente.

Sugestões #55

Sugestões 55

De volta para as últimas sugestões do ano! A destacar Darth Vader #1 por Kieron Gillen e Salvador Larroca e Avengers: Rage of Ultron HC por Rick Remender e Jerome Opeña na Marvel, Rat God #1 por Richard Corben na Dark Horse, Nameless #1 por Grant Morrison e companhia na Image e Sculptor por Scott McLoud na :01 First Second. Muitas novidades e escolhas na livraria para ler e oferecer. Nada como um bom livro de BD para se entrar bem o ano! Boas entradas!

Marvel

Guardians of the Galaxy and X-Men: The Black Vortex Alpha #1 (one-shot)

Por Sam Humphries e Ed McGuinness. O Black Vortex um antigo artefacto imbuído dum poder inimaginável, está agora nas mãos de Mr. Knife! Com biliões de vidas em risco, Peter Quill, o lendário Star-Lord, vai ter de voltar aos hábitos de ladrão. E serão necessários os Guardians of the Galaxy e os X-Men para garantir o sucesso da sua missão.

Avengers: Rage of Ultron HC

Por Rick Remender e Jerome Opeña. Mais uma gloriosa vitória dos Avengers. O temível Ultron foi derrotado e lançado para o espaço para nunca mais ser visto. Agora anos mais tarde, Ultron descobriu um novo mundo para conquistar, um com seu terrível legado. Quando Titan, o planeta natal de Thanos, cai, o Planeta Ultron surge em seu lugar. Starfox, o irmão de Thanos procura ajuda dos seus antigos aliados, mas os Avengers que ele encontra são radicalmente diferentes daqueles que ele conhecia. Entre eles encontra-se Giant-Man e quando Hank Pym confronta o seu “filho”, a fúria de Ultron não terá limites sobre os Avengers!

Marvel para assinatura

Darth Vader #1

Por Kieron Gillen e Salvador Larroca. Desde a sua primeira aparição no cinema que Darth Vader, veio a se tornar um dos mais populares vilões de sempre. Agora, em seguimento dos eventos ocorridos no Star Wars IV: A New Hope, e em paralelo com a história da nova série de Star Wars em comic, acompanha Vader liderando a guerra do Império contra a Aliança Rebelde.

Guardians Team-Up #1

Por Brian Michael Bendis e Arthur Adams. O aparecimento duma ameaça cósmica tão massiva, leva os Guardians of the Galaxy aliarem-se com os Avengers, para um confronto titânico nunca antes visto!

Spider-Gwen #1

Por Jason Latour e Robbie Rodriguez. Gwen Stacy é a Spider-Woman, mas o que a espera depois dos eventos do Spider-Verse!
Quais os perigos e os adversários que ela vai encontrar? E quem são os seus aliados?

Silk #1

Por Robbie Thompson e Stacey Lee. Cindy Moon foi mordida pela mesma aranha radioactiva que deu os poderes a Peter Parker. Ela salvou a vida de Parker várias vezes e viajou através das dimensões com a Spider-Woman. Agora como Silk ela encontra-se sozinha em New York à procura do seu passado e a definir o seu futuro!

DC para assinatura

Multiveristy: Mastermen #1

Por Grant Morrison, Jim Lee e Scott Williams. Imagina um mundo onde os Nazis não só ganharam a II Guerra Mundial, como acabaram por dirigir a cultura mundial nos próximos 60 anos, com a ajuda dum órfão extra-terrestre com poderes, uma super-arma de nome Overman! Mas a esperança não está perdida! Das cinzas da opressão, surgem vários heróis que lutam contra o regime fascista, mais conhecidos como Freedom Fighters! Que pesadelos atormentam Overman? Quem é a misteriosa figura denominada Uncle Sam? E será que as acções de Phantom Lady, Black Condor, Human Bomb, Doll Man e o Ray são suficientes para deter Leatherwing, Blitzen e outros “heróis” da Earth-X?

Harley Quinn: Valentine’s Day Special #1

Por Amanda Conner, Jimmy Palmiotti e John Timms. O amor está no ar em New York! O solteiro mais rico do planeta, Bruce Wayne está na cidade para um leilão de caridade, e quem der mais no leilão, terá direito a um encontro com ele. E ainda bem que Harley Quinn juntou algum dinheiro! Mas será que Bruce Wayne pode passar a noite com a Harley, sem que ela descubra quem ele realmente é?

Dark Horse para assinatura

Rat God #1 (de 5)

Por Richard Corben. Coisas terríveis estão à espreita nas florestas nas orlas de Arkham. Um arrogante finório citadino numa missão para descobrir o passado duma jovem, descobre em vez disso horrores inimagináveis!

Prometheus: Fire and Stone – Omega

Por Kelly Sue DeConnick e Agustin Alessio. Angela e os seus colegas sobreviventes estão encalhados em LV-223, mas a sua missão ainda não acabou. A resposta à sua missão pode estar escondida a grande profundidade no subsolo, mas o mais estranho pesadelo de todos encontra-se à sua frente!

Image para assinatura

Nameless #1

Por Grant Morrison, Chis Burnham e Nathan Fairbairn. Um astrónomo mata a sua família e depois suicida-se, deixando um aviso enigmático. A Veiled Lady caça as suas vítimas através dos pesadelos humanos. Um vigarista do oculto conhecido como “Nameless” é recrutado para um consórcio dum bilionário numa missão desesperada. E o maléfico asteróide Xibalba gira em rota de colisão com a Terra. Nada é o que parece, uma terrível experiência está para começar. Abandonem toda a esperança e experimentem o horror definitivo de Nameless.

Spawn: Resurrection #1

Por Brian Wood e Jonboy. O regresso de All Simmons e o início duma nova era do Spawn! Ninguém sabe onde All Simmons esteve este tempo todo, mas é evidente que ele é um homem mudado. Mais forte, sábio e com as memórias da experiência que ele luta para entender. Novas alianças, novos inimigos e grandes mistérios! Este título continua no Spawn #251.

Benitez Productions para assinatura

Lady Mechanika #4

Por Joe Benitez e Peter Steigerwald. O mistério de Lady Mechanika continua! A investigação do cadáver mecânico leva a Lord Blackpool, um traficante de armas, com quem Lady Mechanika teve uma desagradável altercação. Quando ela descobre que o grande simpósio científico Mechani-Con vai organizar o seu baile anual a bordo da nova e gigantesca aeronave de Blackpool, ela desenvolve um plano para se infiltrar no baile e procurar pistas. Para descobrir que não o único convidado indesejado!

Kodansha

Maria: The Virgin Witch Vol. 01

Por Masayuki Ishikawa. Maria é uma bruxa que vive durante a Guerra dos Cem Anos entre Inglaterra e França. Ela odeia a guerra e para proteger as pessoas da sua vila, Maria vai usar todo o seu poder para acabar com a guerra, mesmo que isso implique invocar dragões, ou enviar a sua familiar succubus para mesmerizar com os seus encantos os generais em guerra.
Mas o que pensam os habitantes da vila da sua ajuda? E o que acontece se o Céu notar a sua interferência em assuntos humanos? Muita comédia, carregado de detalhes históricos à mistura nesta saga onde magia e boas intenções são uma combinação explosiva!

First Second

Sculptor HC

Por Scott McLoud. David Smith dá a sua vida pela sua arte, literalmente falando. Graças a um acordo com a Morte, o jovem escultor obtém o seu desejo de infância de esculpir tudo o que imagina com as suas mãos. Mas agora com apenas 200 dias para viver, decidir o que criar é mais difícil do que ele pensava, e descobrir o amor da sua vida quase no fim não ajuda nada! Esta é a história do desejo levado ao extremo, para além da razão, da dança atrapalhada dum jovem amor, isto é tudo acerca do pequeno, quente momento humano do quotidiano da vida!

Y, The Last Man

Y, the Last Man

Y, the Last Man

Y, the Last Man

Y, the Last Man

Brian K. Vaughan1 e Pia Guerra2, dois dos autores que vão estar presentes na Comic Con Portugal, de 5 a 7 de Dezembro, têm uma obra em comum: Y, The Last Man3, uma longa viagem iniciática…

Y, The Last Man

Planeta Terra. 17 de Julho de 2002. Uma misteriosa epidemia dizima em poucos segundos todos os homens e todos os animais machos do planeta.

De um momento para o outro, o planeta perdeu quase metade da sua população global, quase todos os proprietários das maiores fortunas segundo a Forbes, a maioria dos governantes mundiais, dos pilotos, dos capitães de longo curso, dos motoristas de camião, dos presidiários, dos operários das indústrias pesadas, dos soldados e (praticamente?) todos os sacerdotes das mais representativas religiões…

Naquele instante fatal, a maioria dos aviões em voo despenharam-se, os navios em curso perderam o rumo, o trânsito nas grandes metrópoles e vias de acesso tornou-se impossível pela multiplicidade de viaturas acidentadas. Com os governos decapitados, com as forças da ordem paralisadas, sobreviver a todo o custo tornou-se o lema da maioria das mulheres sobreviventes.

 

A essa epidemia sobreviveram Yorick Brown, um jovem, e Ampersand, o seu macaco-capuchinho. No momento da tragédia, o último homem da Terra estava ao telefone com a sua namorada Beth, algures nas planícies australianas e acabava de a pedir em casamento. Encontrá-la passa a ser o seu principal objectivo, embora as circunstâncias o vão obrigar a fazer (múltiplos) desvios.

Partindo ao encontro da mãe – ex-ministra da agricultura, obrigada a assumir a presidência do país – é por ela confiado à agente 355, membro de uma organização secreta, o Círculo Culper, utilizada secretamente pelo governo para missões delicadas. O objectivo é que encontrem a dr.ª Alisson Mann, uma conceituada bioengenheira, com o intuito de que ela descubra por que razão ele e o seu bicho de estimação foram poupados, para a partir daí tentar evitar a extinção completa do ser humano.

Inicia-se então uma longa jornada, primeiro a dois, depois a três, que ao longo de meses- que se transformarão em anos – os levará a cruzarem os Estados Unidos e, mais tarde, mesmo à Austrália, ao Japão e finalmente à Europa, numa busca iniciática.

Em sua perseguição – em diferentes momentos e com diferentes intuitos – vão ter as novas amazonas, entre as quais Hero, irmã de Yorick, apostadas em destruir todas as memórias da passagem dos homens pela terra, um comando israelita chamado pela mãe de Yorick, dissidentes do Círculo Culper ou uma guerreira ninja nipónica a soldo de um misterioso empregador.

Apesar de uma ou outra questão temporal menos bem resolvida – a travessia dos Estados Unidos, feita de carro, mota, comboio, cavalo ou a pé, arrasta-se por muitos meses – a narrativa vai avançando de forma consistente, com sucessivos flashbacks que mostram onde estavam os diferentes intervenientes no momento da tragédia e também situações pontuais do seu passado que explicam as suas opções no presente.

Ao longo das jornadas, vão-se cruzando com sobreviventes, isoladas ou em pequenas comunidades. Algumas delas tentam seguir em frente, vivendo de acordo com aquilo que a nova ordem – ou será desordem? – lhes permite; outras esforçam-se por criar novas estruturas, mais flexíveis e adaptadas aos novos tempos; como sempre alguns grupos tentam aproveitar-se da situação para seu benefício ou para subjugarem outras; finalmente, algumas fazem patéticas tentativas de recuperar o que até aí existia.

Vaughan aproveita estes sucessivos encontros/recontros, para traçar um retrato pouco abonatório do ser humano – e o facto de retratar apenas mulheres não tem nada de sexista – mostrando o melhor e o pior do ser humano, enquanto acompanhamos e aprendemos a conhecer melhor os três protagonistas na busca iniciática de si mesmos e da felicidade e vemos como perante uma situação limite o ser humano tem tendência a mostrar o melhor e/ou o pior de si mesmo.

 

Não por acaso, aliás, escolheu para personagem central um adolescente tardio – deixem-me defini-lo assim – impulsivo, raramente razoável, poucas vezes adulto, o que provoca uma série de situações ambíguas, complicadas, perigosas ou mais do que isso.

Protagonista de uma obra com uma forte tensão sexual – e apesar do muito que é sugerido e mesmo (do pouco) que é mostrado, não é difícil imaginá-la mais explícita se fosse criação europeia – num mundo em que predomina o ódio ao macho, Yorick Brown, curiosamente,  mais do que ser desejado como objecto sexual pelas sucessivas mulheres que vai encontrando, é quase sempre perseguido por ainda estar vivo. Ao mesmo tempo, enquanto amadurece e se torna mais adulto – analisar o seu percurso ao longo da saga é um exercício bem estimulante – a sua posição vai evoluindo da jura de fidelidade a todo custo à sua namorada, que julga algures no deserto australiano para se ir aos poucos deixando atrair e seduzir por várias das mulheres com quem se vai cruzar, numa mudança progressiva e subtil que demora algumas centenas de páginas até ser consumada.

 

O conjunto, com inúmeras referências à cultura pop e à cultura norte-americana que ajudam a sustentá-lo e lhe dão credibilidade, depois de um início forte e acelerado, vai perdendo em ritmo o que ganha em complexidade, até ao final, suficientemente explícito e credível para dar (uma enorme) coerência ao todo mas também aberto quanto baste para que seja o leitor a tirar as suas conclusões.


Pedro Cleto escreve habitualmente no blogue As Leituras do Pedro.

  1. Brian Keller Vaughan nasceu em 1976, em Cleveland, Ohio, nos Estados Unidos. As suas primeiras publicações em banda desenhada tiveram lugar a partir de 1997, quando teve breves passagens por títulos da Marvel (X-Men, Spiderman) e da DC Comics (Batman, Justice League of America, Green Lantern ou Swamp Thing). Y, The Last Man (Vertigo, 2002), Runaways (Marvel, 2003), Ex-Machina (Wildstorm, 2004), Pride of Baghdad (Vertigo, 2006) e Saga (Image, 2012) são os principais títulos deste argumentista, já distinguido com 9 Eisner Awards, que também escreveu alguns episódios da série televisiva Lost. []
  2. Nascida em 1971, nos Estados Unidos, mas tendo cidadania canadiana, Pia Guerra publicou os seus primeiros trabalhos no início da década de 1990, em colectâneas como The Big Book of Urban Legends ou Dark Horse Presents. Em 2002 foi co-criadora, com Brian K. Vaughan, de Y, The Last Man, que lhe valeu dois Eisner Awards. Após terminar esta longa saga, diminuiu drasticamente a sua produção, mas é possível encontrar pontualmente a sua assinatura em Doctor Who, Simpsons’s Treahouse of Horror – em parceria com o seu marido Ian Boothby, também convidado da Comic Con Portugal – ou Spider-Man Unlimited. []
  3. Vaughan, Brian K. e Guerra, Pia (2002) Y, The Last Man. Vertigo. Nova Iorque, Estados Unidos. Obra publicada entre 2002 e 2008, em 60 edições mensais que totalizam quase 1500 páginas, foi posteriormente compilada em 5 volumes. []